Seleçao in Weggis

A seleçao brasileira em Weggis na Suiça

Samstag, Mai 27, 2006

Polizeischutz für Brasilien in Weggis

Der Zwischenfall vom Freitag, als eine junge Frau versucht hatte, Ronaldinho zu umarmen und zu küssen, führte im brasilianischen Camp in Weggis zu Sofortmassnahmen. Schon am Samstag trainierte das Team unter verstärktem Polizeischutz.

Américo Faría, der Supervisor des WM-Titelverteidigers, sagte: «Solche Dinge passieren. Wir haben alle notwendigen Massnahmen getroffen, und ich glaube, das wird sich nicht wiederholen.» Sicherheitskräfte posieren sich nun rund ums Spielfeld und richten ihren Blick auf die Zuschauertribüne. Die Stehplätze hinter dem Tor, von der aus Ronaldinhos Verehrerin den Platz betreten hatte, wurde zudem gesperrt.

Der am Freitag sprichwörtlich belagerte Ronaldinho reagierte gelassen auf den ersten Vorfall, seitdem die «Seleçao» am vergangenen Mittwoch erstmals öffentlich in Weggis trainierte. «Wir verstehen, dass das Volk begeistert ist. Aber ist es besser, während des Trainings eine gewisse Ordnung einzuhalten, damit wir uns weiterhin gut vorbereiten können.» Ronaldinhos kleiner Schreck schien schnell vergessen. Noch in der Umkleidekabine soll der «Weltfussballer des Jahres» seine Mitspieler zu einer viertelstündigen Sambaeinlage animiert haben...

Juninho gewinnt teaminternen Freistoss Wettkampf gegen Ronaldinho, Roberto Carlos und Ricardinho

Juninho Pernambucano dá show em cobrança de falta
Meia tem aproveitamento impressionante no treino da seleção em Weggis

Com a chuva que caiu na manhã deste sábado, a única movimentação com bola no treino da seleção foi um trabalho de cobranças de falta. E Juninho Pernambucano deu show.

O meia do Lyon marcou seis gols e colocou uma bola na trave em 15 tentativas. Foi, de longe, o melhor aproveitamento. Outros três jogadores participaram do treino: Roberto Carlos, Ronaldinho Gaúcho e Ricardinho.

- Ele bate muito - brincou o goleiro Rogério Ceni, no campo, durante o treinamento, se referindo a Juninho.

Roberto Carlos e Ronaldinho só marcaram um gol cada. Já Ricardinho só conseguiu acertar três bolas na trave.

- Tomando como base este treinamento, se o Juninho estiver em campo, é ele quem tem que bater falta - disse Alex Escobar, durante a transmissão ao vivo do SporTV.

Juninho Pernambucano tem quatro gols pela seleção brasileira, sendo que três foram em cobranças de falta contra a Grécia, a Bolívia e a Arábia Saudita.

Roberto Carlos e Ronaldinho Gaúcho são os cobradores de falta oficiais do time titular. Já os do time reserva são Juninho Pernambucano e Ricardinho.

Spieler reagieren mit Pagode (Samba) auf Schock nach Fan "Angriff"

Jogadores reagem à invasão com pagode
Músicas do grupo Fundo de Quintal fazem a alegria no vestiário após incidente

Depois do susto com a invasão de cinco torcedores, no fim do treino da tarde desta sexta, os jogadores reagiram com ótimo humor ao incidente. Tanto que, pela primeira vez desde que começaram a treinar na Suíça, improvisaram um pagode no vestiário do estádio, em Weggis, na Suíça.

Ronaldinho Gaúcho, que foi agarrado pela brasileira Sheila Soares (Veja o vídeo), puxou o animado pagode, que durou cerca de 15 minutos até a ida de todos para a concentração da seleção brasileira. Robinho e Dida, no pandeiro, tantã e tamborim acompanharam com entusiasmo.

A batucada ecoava alto e era possível ser escutada do campo. As músicas do grupo Fundo de Quintal e de Zeca Pagodinho eram as preferidas. O supervisor Américo Faria preferiu destacar o lado positivo do incidente.

- O time reagiu bem, e isso pode até servir de incentivo e motivação para eles. Acabou descontraindo o ambiente. É lógico que a organização foi avisada de que isso não pode acontecer. Mas foi uma demonstração de carinho, não de violência - diz.

Schweizer Sicherheitsvorkehrungen versagen - Fans stürmen das Spielfeld





Segurança falha e torcedores invadem campo
Carinho da torcida faz seleção passar o primeiro susto em Weggis

No treino desta sexta-feira, a seleção brasileira descobriu, felizmente sem maiores conseqüências, que a segurança no estádio em Weggis é deficiente. Uma invasão pacífica dos torcedores surpreendeu os jogadores, mas ninguém se machucou. Veja as imagens.

Quando os jogadores faziam alongamento, ao final do trabalho da tarde, a torcedora brasileira Sheila Soares pulou a grade e invadiu o campo. Correu até onde estava deitado Ronaldinho Gaúcho e o abraçou. Os jogadores levaram o incidente na brincadeira. Bateram palmas. Robinho até jogou um colchão em cima deles. Um segurança levou-a para fora, sem problemas.

Mas, a seguir, outros torcedores começaram a entrar em campo. A segurança não parecia preparada. Mais quatro pessoas invadiram e só, então, a organização começou a tomar medidas. Alguns jogadores se levantaram, seguranças da CBF formaram um cordão em torno do time. Um dos invasores, espanhol, simulou uma tourada diante do segurança. A torcida começou a vaiá-lo. Após a situação ser controlada, os jogadores brasileiros saíram de campo calmamente e voltaram a se diverdir com o episódio.

- O povo acaba se entusiasmando, nê? São demonstrações de carinho. Então se faz de tudo para se manter uma certa ordem. O importante é tudo acabar de forma tranqüila - disse Ronaldinho Gaúcho.

Os torcedores foram retirados do gramado e levados pela polícia local para a delegacia de Weggis.

--

Verehrerin "überrollt"
Superstar Ronaldinho


Liebkosungen für das Idol

Ein weiblicher Fan hat Ronaldinho im Trainingslager der brasilianischen Nationalmannschaft im Schweizer Weggis in eine heikle Situation gebracht. Als der Weltfußballer zu Dehnübungen in Höhe des Mittelkreises lag, stürmte eine Brasilianerin auf ihr Idol zu und verwickelte ihn in eine wahre "Liebesrolle". Der Superstar kam letztlich mit dem Schrecken davon.

Während die erst danach herbeieilenden Sicherheitskräfte den Star aus der Umklammerung der Frau befreiten, nutzten weitere zumeist jugendliche Zuschauer die Gunst der Stunde, übersprangen die nicht allzu hohe Absperrung und rannten auf ihre Stars zu.

Die meisten Spieler der "Selecao" reagierten gelassen auf die Störungen, Robinho warf sogar eine Gymnastikmatte über Ronaldinho und seine Verehrerin. Einzig Ronaldo suchte fluchtartig die Kabinen auf.

Die Polizei nahm fünf Personen, darunter auch Ronaldinhos "Freundin", fest, ließ vier davon aber kurze Zeit später wieder frei. Nur ein Fan, der bei der Festnahme Widerstand leistete, musste die Nacht in einer Zelle verbringen. Die Ronaldinho-Anhängerin hatte die Begegnung mit ihrem Idol so mitgenommen, dass sie im Polizeiauto einen Asthma-Anfall erlitt.

Erstes taktisches Training am Freitag

Defesa da seleção passa no primeiro teste
Jogadores seguraram os reservas no treinamento da tarde desta sexta

No primeiro treino técnico/tático em Weggis, na Suíça, o sistema defensivo da seleção brasileira foi aprovado. Na atividade, que começou às 11h50m (horário de Brasília), o técnico Carlos Parreira separou pela primeira vez titulares e reservas.

Na principal atividade do dia, os laterais, zagueiros e volantes titulares tinham que impedir o gol do time reserva (sem os zagueiros). E em toda a movimentação, os suplentes só tiveram uma grande chance de marcar, com Fred, que parou na defesa do goleiro Júlio César. E o time tinha Robinho, Ricardinho e Juninho, entre outros.

Já o quarteto fantástico não brilhou. Na mesma atividade, Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho, Kaká e Adriano puxavam o contra-ataque contra apenas dois zagueiros (Luisão e Cris). No início do treino, a lentidão do quarteto facilitou o trabalho dos defensores. Só na parte final os gols começaram a sair com maior naturalidade.

Ronaldo mostrou o talento de sempre nos toques, mas a explosão do atacante não foi a mesma. O Fenômeno não conseguir ser veloz nos contra-ataques.

Durante o treinamento, o técnico Carlos Alberto Parreira inverteu várias vezes a função de titulares e reservas. E quando os atacantes reservas puxavam o contra-ataque, a de Juninho, Ricardinho, Robinho e Fred chamou a atenção.

O camisa 10 do Real Madrid foi um dos destaques do treino. Ele fez muitos gols e, em dois deles, passou fácil pelos zagueiros Lúcio e Juan. O segundo chegou a ir para o chão após um drible do atacante.

No final do treinamento, muitos torcedores invadiram o campo. Uma mulher conseguiu até abraçar Ronaldinho Gaúcho (veja o vídeo!), que estava fazendo alongamento. O seguranças do local tiveram trabalho para segurar os invasores.